• Luz solar no tanque

    Como os métodos de desenvolvimento ágeis ajudam a superar o medo da autonomia dos carros elétricos

  • EDAG SOULMATE

    QUANDO DE REPENTE O MELHOR SMARTPHONE É O SEU PRÓPRIO CARRO

  • VAMOS RECARREGAR MAIS UMA VEZ

    POR QUE O SMARTPHONE MUDOU O TRÂNSITO

  • MANUFATURA ADITIVA

    COMO O "EDAG Genesis" COLOCOU O MUNDO AUTOMOBILÍSTICO DE CABEÇA PARA BAIXO

Em foco 05/2017: EDAG Do Brasil conquista prêmio de melhor engenharia de competição de veículo elétrico

No dia 08 de Outubro de 2017 em Rockingham Speedway – Inglaterra, a EDAG do Brasil em parceria com CAOA e St. Pauls School – São Paulo participou do campeonato da Greenpower 2017 International de Veículos Elétricos e conquistou o prêmio de melhor engenharia da competição.

Em participação inédita na final do campeonato que reúne empresas, escolas e estudantes de todo o mundo, o projeto do veículo LION II da Lion Racing BR, totalmente projetado, desenvolvido e validado pela EDAG do Brasil, em parceria com CAOA, equipe de estudantes da St. Pauls School, Multicorpos, Barracuda e demais parceiros, se destacou entre mais de 50 carros que participaram da competição e foi premiado com o GreenPower International Engineering Award 2017

A Greenpower Electric Car Challenge é um projeto de estimulo estudantil com foco em ciências, tecnologia, matemática e sustentabilidade, que motiva a aprendizagem dos jovens sobre o assunto, conectando educação, indústria e comunidade através de projetos de engenharia inspiradores. A competição começou em 1999 e atualmente participam mais de 500 escolas e 8000 alunos de vários países, como Reino Unido, Estados Unidos, China, África do Sul, e agora também o Brasil. Muitas empresas de grande porte, e em números cada vez maiores, estão apoiando e patrocinado este evento. Entre elas BMW, Cummins, Ford, Siemens, etc...

Mais informações sobre GreenPower Challenge veja: http://www.greenpower.co.uk

A equipe de profissionais experientes da EDAG e CAOA em conjunto com professores e alunos da St. Pauls School seguiram rigorosamente as premissas do projeto para alcançar os objetivos da competição. De acordo com o regulamento, o motor elétrico de 24V, 240W  e torque de 1.15Nm, bem como as duas baterias de 12 Volts utilizadas no veículo são e idênticas para todas as equipes. Com a utilização de ferramentas e recursos de alta tecnologia aplicados a engenharia, foi possível projetar e aperfeiçoar o veículo em questões estruturais, aerodinâmicas e térmicas. Softwares específicos como o CATIA, ADAMS/Car e OpenFOAM foram utilizados durante toda etapa de desenvolvimento. A aplicação de materiais especiais e peças de alto desempenho, desenvolvidas exclusivamente para este veículo permitiram ao LION II pesar somente 42 kg e atingir a velocidade máxima de 52 km/h. 

O veículo foi completamente montado nas instalações da EDAG em São Bernardo do Campo e submetido a testes de desempenho, resistência e aerodinâmica. A aquisição de dados de campo a partir de instrumentações específicas permitiu à equipe a aplicação de uma série de melhorias antes do embarque do carro para a Inglaterra..

Segundo o engenheiro Márcio Santos, que liderou este projeto em conjunto com os engenheiros Pascoal Palladino e João Veloso, todos da EDAG, e Wellington Ortiz da CAOA, este prêmio é fruto do resultado do trabalho executado em equipe, que aplicaram os materiais e componentes de ultima geração, softwares e processos mais adequados, e também do desempenho apresentado pelo veículo LION II que conseguiu o sétimo melhor tempo no Practice do sábado e completou a prova de domingo, sem qualquer problema mecânico ou elétrico!

Pretendemos participar em 2018 e conquistar prêmios inéditos para o Brasil com ideias e soluções inovadoras, afirma Alexandre Sberveglieri, Diretor de Desenvolvimento de Produto da EDAG do Brasil.